OFERECIMENTO:
Montenegro - Segunda-Feira, 09 de Abril de 2018 - Hora:08:00

Advogados de Paulo Azeredo garantem que ele pode concorrer em outubro

Paulo Azeredo, acompanhado de advogados e apoiadores, disse que é pré-candidato a deputado estadual

Paulo Azeredo, acompanhado de advogados e apoiadores, disse que é pré-candidato a deputado estadual | Guilherme Baptista/FN

Acompanhado de dois advogados, o ex-deputado estadual e ex-prefeito Paulo Azeredo (PDT) prestou esclarecimentos sobre sua situação, principalmente quanto a possibilidade de voltar a concorrer nas eleições de 7 de outubro deste ano.

Cassado pelos vereadores através de processo de impeachment em maio de 2015, após a instalação de uma ciclovia no centro da rua Capitão Cruz, Azeredo chegou a concorrer a vereador no ano seguinte. Mas concorreu sub judice, tendo inicialmente seu votos anulados e só depois validados, o que prejudicou sua campanha. “Foi uma injustiça. E conseguimos reverter esta situação”, afirma o advogado Carlos Reverbel. “Foi à ciclovia mais barata do país”, acredita, citando que apelou junto ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) em Brasília, aonde foi modificada a decisão em fevereiro do ano passado.

Até então Azeredo estava inelegível por 8 anos devido ao impeachment. “Não tem nenhuma condenação em segundo grau que o impeça de concorrer”, garante. Sobre o processo em que foi condenado por improbidade administrativa por ter readmitido irregularmente um motorista que tinha sido exonerado, o advogado esclarece que foi uma decisão ainda em primeira instância e que vai recorrer. “Foi uma perseguição interna”, entende Azeredo. “Tenho a convicção que vamos conseguir reverter”, completa Reverbel. “Foi um processo injusto, como uma caça as bruxas sem culpa”, declara o também advogado Andrio Fonseca.

Acompanhado do presidente do PDT e da Câmara de Vereadores, Erico Velten, e do ex-chefe de gabinete e ex-secretário municipal Clóvis Domingues (Cafundó), Paulo Azeredo confirmou que é pré-candidato a deputado estadual nas eleições deste ano. “Estamos com muita disposição”, diz, sobre a possibilidade de buscar um sexto mandato no parlamento gaúcho. Ele inclusive já está acompanhando o pré-candidato ao Governo do Estado pelo PDT, Jairo Jorge, e demais lideranças, em caravanas por diversas cidades. Além dos cinco mandatos como deputado estadual e de ter sido eleito prefeito, Azeredo também foi vereador e secretário estadual de obras do Estado. Ele também não descarta a possibilidade de voltar a concorrer a prefeito em 2020. “Ainda é cedo quanto a isso. O PDT tem outros nomes, mas com certeza estaremos no pleito de 2020, apoiando ou até concorrendo”, afirma. Sobre a possibilidade de repetir uma dobradinha com a irmã e ex-vereadora Iolanda Azeredo Hofstatter, disse que ela ainda não decidiu se colocará o nome à disposição para novamente concorrer à deputada federal.

colunas e blogs

o Vale quer saber

Não há enquetes disponíveis para votação no momento


Escritório Comercial S. S. do Caí:
Avenida Dr. Bruno Cassel, 179
Fone / Fax: (51) 3635-1900

Escritório Comercial Montenegro:
Rua Oswaldo Aranha, Via Verde, 1467
Fone / Fax: (51) 3632-9680

Administração:
Rua Fato Novo, Nº 11
Fone / Fax: (51) 3635-1428

Contato
Todos os Direitos Reservados | Jornal Fato Novo | Vale do Caí | RS | Por Nigma Agência Digital