OFERECIMENTO:
Pelo Vale - Quinta-Feira, 19 de Janeiro de 2017 - Hora:10:48

Bombeiros do Chile e da Argentina ajudam nas buscas de família perdida no Coqueiral

Bombeiros que participam de curso no Caí atuaram nas buscas no Pareci

/Divulgação/FN

Os Bombeiros Voluntários de São Sebastião do Caí viveram uma situação inusitada na noite do último sábado, dia 14 de janeiro. Eles receberam uma ligação pedindo por ajuda, já que desde o final da tarde cinco pessoas estariam perdidas num mato da localidade de Coqueiral, em Pareci Novo. Os quatro adultos e uma criança de 9 anos, moradores da localidade, teriam se perdido no matagal após saírem para uma pescaria num arroio. Durante o temporal com chuva forte acabaram se perdendo na mata fechada.

Utilizando o telefone celular, a família entrou em contato com os bombeiros. Segundo o comandante dos bombeiros caienses, Anderson Jociel da Rosa, os moradores estariam perdidos por mais de 4 horas, desde em torno de 17 horas.

Além dos bombeiros caienses, também instrutores do Chile e da Argentina, que estão participando de um curso no Caí, participaram das buscas no Pareci. O curso, que iniciou nesta semana, tem como foco Busca e Resgate em Estruturas Colapsadas (Brec), visando a atuação em situações extremas.

Cinco bombeiros caienses, mais instrutores do Chile e da Argentina, participaram das buscas no Coqueiral. Após cerca de duas horas de buscas por parte dos bombeiros e populares, as cinco pessoas foram encontradas. Segundo o comandante Anderson, estavam todos bem, mas bastante cansados e assustados. E os bombeiros, nestes 21 anos de atividades, viveram mais uma situação de busca e salvamento com êxito.


Curso
Além de qualificar a sua estrutura de prédios, veículos e equipamentos, Corpo de Bombeiros Voluntários caienses tem feito investimento no treinamento da sua equipe. Tanto que já está se tornando referência internacional nessa área.

Depois de participar de cursos em Portugal e no Paraguai, os bombeiros caienses estão promovendo um curso de atuação em situações extremas.

O curso será realizado no pátio da antiga Blavel e contará com a participação de 11 instrutores do Chile e um argentino.

Iniciado na manhã da última segunda-feira, o curso está sendo realizado em cooperação com a Voluntersul o treinamento visa a busca e resgate em estruturas colapsadas.

Duas turmas serão formadas, criando uma força tarefa de alcance estadual para atender situações extremas, como a enxurrada ocorrida recentemente em Rolante.

Segundo o comandante Anderson Jociel, “os insrutores vêm de áreas onde é mais comum a ocorrência de terremotos e outras situações climáticas mais graves e têm muito para nos ensinar. Vamos simular ocorrências de desabastecimento de água, comida e outros itens básicos, a fim de que nossos voluntários possam lidar com isso no caso de uma situação real”.

OFERECIMENTO:

colunas e blogs

o Vale quer saber

Após a delação premiada, os diretores da JBS devem:
Ficar livres
Ser presos


Escritório Comercial S. S. do Caí:
Avenida Dr. Bruno Cassel, 179
Fone / Fax: (51) 3635-1900

Escritório Comercial Montenegro:
Rua Oswaldo Aranha, Via Verde, 1467
Fone / Fax: (51) 3632-9680

Administração:
Rua Fato Novo, Nº 11
Fone / Fax: (51) 3635-1428

Contato
Todos os Direitos Reservados | Jornal Fato Novo | Vale do Caí | RS | Por Nigma Agência Digital