OFERECIMENTO:
Pelo Vale - Quarta-Feira, 14 de Maro de 2018 - Hora:08:00

Colisão entre moto e carro causa morte no Passo da Serra

Cassio de Azeredo tinha 28 anos e morava em Brochier

/Guilherme Baptista/FN

O primeiro acidente fatal em rodovias estaduais de Montenegro aconteceu no último sábado, dia 10.

Cassio de Azeredo, de 28 anos, dirigia uma moto Honda Titan150, no sentido Brochier/Montenegro, pela RS 411, quando por volta de 6h da manhã, perto do cruzamento com a RS 287, pouco antes de chegar ao chamado trevo do Frigonal, em Passo da Serra (Montenegro), acabou colidindo com um automóvel Gol que vinha no sentido contrário. Cassio, que morava fazia cerca de um ano em Brochier e antes residia no bairro Aeroclube em Montenegro, morreu no local. Já o motorista do Gol, de 29 anos, também de Brochier, não sofreu ferimentos. O corpo do motociclista foi parar uns 24 metros do local do impacto, fora da pista, perto de um capinzal ao lado de uma residência. E a moto e o carro mais 6 metros adiante.

Cassio foi sepultado na manhã de domingo, em Brochier, com o acompanhamento de familiares e amigos. Segundo dois cunhados, que acompanharam o trabalho da perícia no local do acidente, Cassio morava com a mãe, Nelci, em Brochier, onde trabalhava como ajudante no transporte de carvão. Era o único filho e tinha mais três irmãs.Teria combinado com a namorada Graziela Mello que iria para Canoas visitá-la. Provavelmente iria de moto até Montenegro, onde pegaria o ônibus na rodoviária. O último contato com a namorada teria ocorrido por volta das 5h30, quando teria avisado que estava a caminho.

Mas depois Graziela foi avisada, por policiais, sobre o acidente.

Não se sabe a causa do acidente. Existe a suspeita que buracos e ondulações na pista possam ter feito o motociclista perder a direção e invadir a pista contrária. O local fica numa reta e conforme moradores os acidentes são freqüentes. Eles inclusive pedem redutores de velocidade e uma melhor sinalização, o que poderia reduzir os acidentes.

De acordo com a Polícia Rodoviária Estadual, Cássio não tinha carteira de habilitação (CNH) e a moto, que não estava no nome do condutor, se encontrava em situação irregular, com licenciamento vencido desde 2012. Já o motorista do Gol preferiu não ser submetido ao teste de bafômetro, com receito por ter consumido bebida alcoólica na noite anterior.

Mesmo sem sinais de embriaguez, foi autuado e teve a sua CNH apreendida.

OFERECIMENTO:

colunas e blogs

o Vale quer saber

Não há enquetes disponíveis para votação no momento


Escritrio Comercial S. S. do Ca:
Avenida Dr. Bruno Cassel, 179
Fone / Fax: (51) 3635-1900

Escritrio Comercial Montenegro:
Rua Oswaldo Aranha, Via Verde, 1467
Fone / Fax: (51) 3632-9680

Administrao:
Rua Fato Novo, N 11
Fone / Fax: (51) 3635-1428

Contato
Todos os Direitos Reservados | Jornal Fato Novo | Vale do Ca | RS | Por Nigma Agncia Digital