OFERECIMENTO:
São Sebastião do Caí - Segunda-Feira, 10 de Abril de 2017 - Hora:16:16

Comunidade luterana restaura harmônio com mais de cem anos

Técnico veio da Alemanha para restaurar o instrumento musical que estava avariado

A pastora Cristiane e líderes da comunidade, como Cristiano Oderich, Tavinho Lamb e Iguatemi Moreira, recepcionaram o técnico, e músico, alemão que fez o restauro do harmônio /Divulgação/FN

Por volta do ano 1900 a cidade vivia sua fase de maior prosperidade. Toda a produção da colônia italiana de Caxias do Sul e localidades vizinhas passava pelo porto da cidade, que prosperava com o comércio. Vários empresários da cidade figuravam entre os mais ricos do estado.

Foi nesta época que, com a ajuda dessas famílias e da comunidade, foi construída a igreja evangélica luterana da cidade.

Um prédio de arquitetura primorosa que, na época foi considerado uma dos mais belos templos luteranos do continente.

Além da construção em si, a igreja contava com um harmônio, instrumento musical típico das igrejas, adquirido na Alemanha, com o patrocínio de Henriethe Rither Oderich (avó de Cristiano e Luiz Fernando Oderich). O sobrenome da doadora a identifica suas origens: tanto os Ritter quanto os Oderich faziam parte da elite empresarial do estado.

Depois que, em 1911, foi inaugurada a estrada de ferro ligando Caxias do Sul a Porto Alegre, o Caí mergulhou numa fase de marasmo econômico que se estendeu por cerca de 80 anos e a comunidade luterana também sofreu com isso. Tanto que o harmônio estragou-se com o tempo e faltou recurso para a sua recuperação. O instrumento era importado, da Alemanha, fabricado na cidade de Leipzing, e era top de linha.

Agora, motivada com as comemorações dos 500 anos da Reforma Luterana, a comunidade local se mobilizou e, além de fazer melhorias na igreja, providenciou também a restauração do antigo harmônio.

Esse trabalho foi realizado pelo músico alemão Matthias Müller que se dedica à restauração de instrumentos musicais antigos e, também, os toca com grande desenvoltura. Matthias veio ao Caí, acompanhado pela esposa, para realizar a restauração do instrumento e vai tocar nele durante o culto desse domingo, às nove e meia da manhã.


Almoço
Para financiar essas obras, a comunidade realiza eventos como o almoço que será servido no Centro Comunitário da Igreja (Rua Cel Paulino Teixeira, 445), neste sábado, a partir de onze e meia da manhã. Os cartões são vendidos pela diretoria e na secretaria da igreja por R$ 20,00. Na hora também haverá cartões à venda. O cardápio é coxa e sobrecoxa de frango, com massa e saladas.

OFERECIMENTO:

colunas e blogs

o Vale quer saber

O que vai acontecer com Lula?
Nenhuma das opções
Será preso
Voltará a ser presidente


Escritório Comercial S. S. do Caí:
Avenida Dr. Bruno Cassel, 179
Fone / Fax: (51) 3635-1900

Escritório Comercial Montenegro:
Rua Oswaldo Aranha, Via Verde, 1467
Fone / Fax: (51) 3632-9680

Administração:
Rua Fato Novo, Nº 11
Fone / Fax: (51) 3635-1428

Contato
Todos os Direitos Reservados | Jornal Fato Novo | Vale do Caí | RS | Por Nigma Agência Digital