OFERECIMENTO:
Salvador do Sul - Sábado, 07 de Outubro de 2017 - Hora:08:00

Definida nova diretoria do Hospital

Diego da Silva irá suceder Eduardo Haupt na presidência da entidade mantenedora

Novo presidente, Diego da Silva aposta em experiência adquirida na coordenação do Posto de Saúde /Cleo Meurer/FN

Uma nova assembleia para eleição de diretoria para o Hospital São Salvador foi realizada na noite da quarta-feira, no Hotel Candeeiro da Serra – em convocação anterior não havia acontecido inscrição de chapa. A composição única apresentada, com Diego Alessandro da Silva como presidente, foi aprovada pela ampla maioria dos associados presentes.

A chapa teve 40 votos favoráveis e um voto contra. Ocorreu, ainda, uma abstenção. Diego da Silva, 31 anos, há cinco trabalha como servidor público concursado no Posto de Saúde da sede de Salvador do Sul, ocupando, atualmente, o cargo de coordenador da unidade.

Ele ressalta que se sente preparado para a função, especialmente, pelo conhecimento de rotinas da área da saúde, trâmites, trabalho de médicos e questões administrativas. “Estamos muito preocupados em manter o hospital de portas abertas. Está descartada qualquer possibilidade de seu fechamento ou substituição por um postão 24 horas”, afirma o novo presidente da entidade mantenedora da casa de saúde salvadorense.

Diego da Silva também reforça a disposição em dar andamento ao processo de transição do hospital para uma Organização Social (OS), buscando maior integração com a prefeitura e a comunidade. Assinala que ações similares já deram bons resultados, usando como exemplo o Hospital Schlatter, de Feliz.

O presidente eleito completa que a equipe de trabalho do São Salvador deverá ser mantida. Contudo, o cargo de administrador hospitalar está vago a partir do desligamento de Clademir Griebler da função, que saiu junto com a antiga diretoria. “Não descartamos que ocorra, inclusive, a sua recontratação, mas é uma situação – a contratação de um administrador – que queremos avaliar com muita calma”, projeta.

O bancário Eduardo Inácio Haupt, que deixou a presidência do Hospital São Salvador após pouco mais de dois anos na função, fez uma avaliação positiva de sua gestão e agradeceu o apoio dos demais integrantes da diretoria e colaboradores da unidade. “Financeiramente, a situação do São Salvador é estável, conseguiu se manter num período em que hospitais sofreram por conta das dificuldades financeiras. Os quartos foram reformados e há uma boa estrutura de equipamentos”, relata. Haupt acrescenta que, nos próximos dias, será apresentado um balanço detalhado da situação da casa de saúde.

A nova gestão do hospital que, além da comunidade salvadorense, atende moradores de São Pedro da Serra e São José do Sul a partir de convênios com as prefeituras, é completada por Jadir Rhoden, vice-presidente, Valéria Tânia Camillo Haupt, primeira tesoureira, Romeu Groth, segundo tesoureiro, Marilene Pacini Selau, primeira secretária, e Clarina Elisabetha Klein, segunda secretária. O Conselho Fiscal é formado por Noeli Scherer, Flaubiano Correa, Ieda Hensel, Claudir Altmann e Cassia Lauter.

OFERECIMENTO:

colunas e blogs

o Vale quer saber

Não há enquetes disponíveis para votação no momento


Escritório Comercial S. S. do Caí:
Avenida Dr. Bruno Cassel, 179
Fone / Fax: (51) 3635-1900

Escritório Comercial Montenegro:
Rua Oswaldo Aranha, Via Verde, 1467
Fone / Fax: (51) 3632-9680

Administração:
Rua Fato Novo, Nº 11
Fone / Fax: (51) 3635-1428

Contato
Todos os Direitos Reservados | Jornal Fato Novo | Vale do Caí | RS | Por Nigma Agência Digital