OFERECIMENTO:
Montenegro - Quinta-Feira, 23 de Março de 2017 - Hora:14:48

Detento é morto asfixiado na Modulada

Edison Vrielink tinha extensa ficha criminal

Reprodução/FN

A Polícia Civil de Montenegro está investigando as circunstâncias da morte de Edison Luiz Vrielink, de 49 anos. Natural de Barão, ele era detento da Penitenciária Modulada Agente Jair Fiorin, em Pesqueiro, Montenegro. O corpo foi encontrado pelos agentes dentro da cela, já sem vida, após constatarem sua ausência na conferência dos presos, por volta das oito horas da manhã de domingo, dia 05. Aparentemente ele foi morto por asfixia. Este foi o primeiro homicídio de 2017 em Montenegro.

De acordo com o delegado Marcos Eduardo Pepe, que atendeu a ocorrência, Edison teve tornozelos, joelhos e punhos amarrados por tiras de pano das roupas de cama. Dentro da boca da vítima havia um pedaço de esponja, que pode ter provocado o sufocamento. Os três companheiros de cela do baronense foram presos em flagrante sob a acusação de participação no crime, apesar de apenas um ter assumido a morte, alegando discussão em decorrência do Gre-Nal de sábado.

“A forma como o rapaz foi morto mostra que não poderia ser apenas uma pessoa a fazer tudo”, justifica o delegado. Os três agora vão responder a mais este crime, além dos que já estão cumprindo pena.


Ficha extensa
Edison Vrielink estava havia uma semana na cela. Ele vinha de um período de isolamento, pois vinha recebendo ameaças.

Estas ameaças serão agora investigadas pela Polícia Civil, para averiguar se há ligação com a morte. O baronense tem uma ficha criminal extensa. Além dos 26 inquéritos a que estava respondendo, constam em seu histórico passagens por arrombamentos, roubos, tentativa de homicídio, estelionato, porte ilegal de arma, falsa identidade e contrabando. Os processos correm em várias cidades gaúchas como Garibaldi, Gravataí, Taquara, Rolante e Dois Irmãos. Seu endereço atual, constante no Sistema da Segurança Pública, era no bairro Sarandi, em Porto Alegre.

OFERECIMENTO:

colunas e blogs

o Vale quer saber

Qual melhor solução para reduzir as enchentes?
Remoção de famílias
Nenhuma alternativa
Canal do rio
Dique


Escritório Comercial S. S. do Caí:
Avenida Dr. Bruno Cassel, 179
Fone / Fax: (51) 3635-1900

Escritório Comercial Montenegro:
Rua Oswaldo Aranha, Via Verde, 1467
Fone / Fax: (51) 3632-9680

Administração:
Rua Fato Novo, Nº 11
Fone / Fax: (51) 3635-1428

Contato
Todos os Direitos Reservados | Jornal Fato Novo | Vale do Caí | RS | Por Nigma Agência Digital