OFERECIMENTO:
Quinta-Feira, 17 de Novembro de 2016 - Hora:13:56

Edição nº 222, de 12 a 18 de novembro de 1986

Resumo de notícias de 30 anos atrás

Novas fábricas estão se instalando no município
Orçamento da Prefeitura de Bom Princípio supera os do Caí e Feliz

Todos admiram o progresso do município de Bom Princípio, que apesar de ter se emancipado há, apenas, três anos e meio já conseguiu um desenvolvimento que faz inveja a muitos outros municípios mais velhos. Agora, no entanto, está sendo divulgada uma informação que causa surpresa e até descrédito. Neste momento as prefeituras municipais já definiram seu orçamento para 1987, com a previsão e despesa que terão no próximo ano. A prefeitura de Feliz, que nos últimos anos tem sido a mais rica da região do Vale do Caí, exceto Montenegro, apresentou um orçamento de Cz$ 20.000.000,00. A do Caí, apresentou uma propósta orçamentária com valor superior, de Cz$ 21.000.000,00. Maior do que todas, entretanto, foi a previsão do município mais jovem, Bom Princípio, que fez sua estimativa em Cz$ 21.685.000,00. Por estes números que são oficiais, a prefeitura de Bom Princípio passa a ser a mais rica entre os três municípios.

As perspectivas para o futuro do muncípio, em termos de aumento de produção, parecem ser cada vez maiores. Há notícias, agora, da implantação futura de mais duas grandes indústrias no município. Uma delas é a fábrica de móveis MADESA, que já está començando a contrução da sua fábrica em Santa Terezinha. Outra industría estaria por instalar-se no município, mas esta ainda mantem seu nome guardado em segredo, pretende contruir um prédio de 7.000 m² e empregar 200 funcionários.


Seleção Gaúcha vence a seleção brasileira

A Seleção Gaúcha de Veteranos tirou a invencibilidade da Seleção Brasileira de Craques, que estava invicta há 36 jogos, ao vencer pelo placar de três a um, no jogo realizado no Cristo-Rei, em São Leopoldo. No time estavam prersentes dois jogadores cainses, Paulo Cesar Tatu e Ruy, que muito contribuiram para o êxito dos gaúchos.

Compareceram ao estádio mais de 10.000 pagantes, proporcionando uma arrecadação de Cz$ 320.000,00. Os gaúchos se apresentaram sob o comando do treinador Carlos Froner, enquanto que os craques brasileiros seguiram as orientações de Luciano do Valle.


Grande sucesso no 5º Som Livre

O 5º Som Livre foi, sem dúvida, o festival que teve maior repercussão junto ao público que lotou o Clube Aliança. Futuramente esta promoção da Comunidade Evangélica pode tornar-se estadual, sendo apresentada no Ginársio de Esportes ou no projetado Centro de Cultura. Também está nos planos dos organizadores um festival infantil.

A última noite do Som Livre se estendeu às três horas da madrugada. E o baile continuou até às quatro e meia. Na categoria cantor, Andrea Peters e Killing foram os vencedores. Luis Carlos Silva ganhou o segundo lugar. O terceiro lugar coube a Giovane dos Santos. Na quarta posição ficou a turma da Xuxa, formada por cinco primas da família Rossetti e Roth. Em quinto lugar ficou Louisiane Carvalho.

Na categoria compositor, o Grupo Albatroz venceu com a letra de Mágoas. Seus autores são José Paulo Flores e Marcelo Volkweis. Em segundo lugar ficou Killing, que cantou despertar, letra de Aida e Couto, mãe e filho. Em terceiro ficou o grupo Arranjos e Cardas, de Montenegro, que compôs Guerra por quê?. Giovane dos Santos ficou em quarto lugar com Pensamentos de um Sonhador. Em quinto lugar Miriam Dalsan, com A Vida Não é Só Sonhos.

Além destes vencedores, que ganharam troféus, Silvino SGS, de Harmonia também ganhou por persistência, já que participou dos cinco festivais. Ficou muito feliz com o troféu e teve grande aplauso.


Montenegro condições de miséria

Um levantamento feito em outubro, pelo FUBAM mostra o nível da pobreza em Montenegro, onde mais da metade dos indígenas não possuem condições de tomar banho, tendo que o fazer, em bacias, gamelas e tanques.

Outros dados: os duzentos casebres pesquisados, apresentam uma média de 2,5 peças por casa; 51% das famílias não possuem cozinha e 42% não dispõe de assoalho na casa.





 



colunas e blogs

o Vale quer saber

O que vai acontecer com Lula?
Voltará a ser presidente
Será preso
Nenhuma das opções


Escritório Comercial S. S. do Caí:
Avenida Dr. Bruno Cassel, 179
Fone / Fax: (51) 3635-1900

Escritório Comercial Montenegro:
Rua Oswaldo Aranha, Via Verde, 1467
Fone / Fax: (51) 3632-9680

Administração:
Rua Fato Novo, Nº 11
Fone / Fax: (51) 3635-1428

Contato
Todos os Direitos Reservados | Jornal Fato Novo | Vale do Caí | RS | Por Nigma Agência Digital