OFERECIMENTO:
Quinta-Feira, 26 de Dezembro de 2013 - Hora:16:23

Edição n° 71, de 22 de dezembro a 29 de dezembro de 1983

Resumo de notícias de 30 anos atrás

Uma casa fora de série
Na Bela Vista, uma casa fora de série

Quem passa por Bom Princípio, andando pela faixa, muitas vezes tem a sua atenção despertada pelo telhado de uma casa existente na encosta do morro para o lado da Bela Vista. Este telhado reflete a luz do sol como um espelho pois é todo de telhas esmaltadas.

Quem tivesse a curiosidade de ir até à Bela Vista para ver esta casa verificaria que o telhado não é a única coisa extraordinária nessa construção. Pertecente ao jovem industrial Cláudio Vogel, ela foi concebida por ele mesmo, com a ajuda de um arquiteto de Porto Alegre. A casa, pela forma do telhado lembra uma cabana.

A casa tem nada menos de oito mestros e vinte centímetros de altura e os seus 222 metros quadrados de área estão distribuídos por dois andares. Sem dúvida, trata-se de uma casa muito bonita e que, pelas suas linhas inéditas dá uma mostra expressiva da criatividade e do bom gosto do seu idealizador.

Aloir Lermen é campeão estadual de Motonáutica

Morando há dois anos no Caí, Aloir Lermen que é natural de Salvador do Sul, trabalha como caixa do Banco do Brasil.

Apreciador de motonáutica há bastante tempo, somente no ano passado começou a competir, conseguindo apesar da pouca experiência, o segundo lugar no campeonato estadual de 1982.

Esse ano, ele venceu seis provas de oito disputadas. A última foi dia 11 em Porto Alegre no rio Guaíba. Com isso, terminou o ano com o título estadual.

Equipado com um motor Johnson, modelo Stinger, de 75 HP, o barco de Aloir pode desenvolver sobre a água uma velocidade de até 130km/h.


Carlos Rauber é o presidente mais uma vez

Há trinta anos não ocorria eleições de verdade na Sociedade Cultural e Esportiva Feliz. A diretoria era sempre escolhida e renovada a cada ano com a apresentação de uma única chapa.

Dessa vez, duas chapas disputavam o pleito. Uma encabeçada por Carlos Rauber, e outra por Gabriel Steiner.

Antes da eleição houve uma intensa campanha eleitoral e o resultado final foi melhor para a turma de Carlos Rauber. Dos 622 sócios, 363 participaram da votação.


O caso Dullius será um caso de doença?

Passados um mês e onze dias do desaparecimento de Enésio Dullius, sua esposa Terezinha e filhos, ainda permanece o mistério. O que teria motivado este desaparecimento? A idéia do sequestro, uma vez que não ocorre um pedido de resgate, fica cada vez menos aceitável. A suposição de que Enésio teria aplicado um golpe nos seus credores parece tão absurda quanto a do sequestro. Enésio é um importante negociante e com muitos bens.

Esta atitude estranha faz com que algumas pessoas comecem a fazer a suposição de que se trate de um caso de doença mental. Existe uma doença que os psicólogos chamam de paranóia e que faz com que a pessoa sofra delírios em que se sinta vítima de perseguição.

Trata-se de mais uma hipótese, entre tantas, que buscam explicar o verdadeiro mistério que é o desaparecimento desta família. Espera-se que um dia eles voltem e tud possa ser devidamente esclarecido.

Morreu o fotógrafo Perci em acidente de avião

O fotógrafo Perci Soares de Mello tinha um sonho: tornar-se aviador. Por isto, enquanto vivia no Caí com a esposa Clélia e a filha lara (hoje com 14 anos) fez cursos no aeroclube de São Leopoldo acabando por tornar-se instrutor no mesmo aeroclube. No ano passado abandonou a carreira de fotógrafo para ser piloto profissional. Perci tinha seu estúdio, o Visual Color, defronte à praça do Caí.

Na última quinta-feira dia 15, ele pilotava um avião Sertanejo, num vôo de Alta Floresta para Cuiabá. Ao levantar a aeronave no aeroporto de Sinop, não conseguiu tomar altura e acabou caindo num mato a três quilômetros do aeroporto. Além do piloto, mais cinco pessoas estavam no avião. Apenas duas se salvaram.


 

colunas e blogs

o Vale quer saber

Onde você gostaria de morar?
São Paulo
Bom Princípio
Montenegro
Feliz
Paris
Caí
Porto Alegre
Rio de Janeiro


Escritório Comercial S. S. do Caí:
Avenida Dr. Bruno Cassel, 179
Fone / Fax: (51) 3635-1900

Escritório Comercial Montenegro:
Rua Oswaldo Aranha, Via Verde, 1467
Fone / Fax: (51) 3632-9680

Administração:
Rua Fato Novo, Nº 11
Fone / Fax: (51) 3635-1428

Contato
Todos os Direitos Reservados | Jornal Fato Novo | Vale do Caí | RS | Por Nigma Agência Digital