OFERECIMENTO:
Segunda-Feira, 03 de Agosto de 2015 - Hora:14:44

Edição n° 155, de 1º a 7 de agosto de 1985

Resumo de notícias de 30 anos atrás

50 anos da Cooperativa de Harmonia
No dia 29 de julho de 1935, numa reunião no Salão Fink, os 38 sócios fundadores se reuniram para fundar a então denomida Cooperativa de Produtores Suínos do Cahy Superior. Hoje, já com o novo nome de Cooperativa dos Suinocultores do Caí Superior, a mesma cooperativa comemora seus cinquenta anos de existência. Os festejos alusivos à data foram realizados no último fim de semana com um baile no sábado na sociedade local e um almoço na segunda-feira, no mesmo salão onde aconteceu a fundação.

Contando com dois mil produtores associados e com duzentos funcionários, além dum patrimônio imobiliário avaliado em dez bilhões de cruzeiros, a Cooperativa de Harmonia é hoje uma verdadeira potência.

Dos 38 fundadores, seis ainda se encontram vivos e receberam especial homenagem durante as comemorações: João Wendling, Pedro Aloísio Flach, Nicolau Hoffmann, Albino Reinaldo Hoffmann, José Aloysio Calsing e o Cônego Oscar Mallmann. Foram homenageados também os ex-presidentes Miguel Menz (1935-39), Antônio Scherer (39-50), João Alfredo Berwanger (50-57), João Hullen (57-74), Renê Vicente Vier (74-82) e Lothário Hoerlle (82, afastado por problemas de saúde). O atual presidente da cooperative é Hugo Amândido Keller.

Calçados Erobi fecha deixando cem pessoas desempregadas

Funcionando há cerca de dois anos no Caí, o atelier de propriedade de Abílio Gross e Eroni Nunes dava emprego a uma média de cem caienses. Isto deixou de acontecer na quarta-feira da semana passada, quando a firma fechou suas portas, colocando os funcionários em licença. Não é a primeira vez que isto acontece. É mais ou menos comum neste tipo de empresa que, quando falta serviço, os funcionários sejam colocados em licença. Desta vez, teme-se que o fechamento seja definitivo e os funcionários fiquem desempregados.

Abílio vê poucas esperanças de continuar com a empresa e já está estudando, inclusive, algumas propostas de emprego. Seu sócio Eroni Nunes, entretanto, pretende continuar com outro atelier que dará emprego a trinta funcionários.

Uma estrada que sumiu em Bom Princípio
Há 5 anos, a prefeitura de São Sebastião do Caí abriu uma estrada na localidade de Nova Columbia, hoje integrada ao município de Bom Principio. Com a grande enxurrada e enchente de três anos atrás, as águas do arroio lá existente destruíram a ponte submersa que havia na estrada. Desde então a ponte não foi arrumada e o tráfego não voltou a passar pela estrada.


Quem olha agora para a estrada, quase não acredita que por ali, um dia circularam veículos, pois a estrada está tomada de mato.

Seu Ildo, um homem de muita sorte

Tem tanta gente que joga na loto todas as semanas e não acerta nunca. Seu Ildo Henz na primeira vez que jogou, acertou a quadra. Seu Ildo não jogou sozinho. Ele entrou num cartão junto com mais dois amigos seus de Santa Terezinha: Lauro Henz e Hans Ledur. Os três juntos fizeram uma aposta de Cr$ 41.700 e ganharam nove milhões.

É claro que isto não acontece com ele todas as semanas, mas ele também não é muito de jogar. Mesmo assim, ele já ganhou uma vez no jogo do bicho, há muitos anos. Naquela ocasião ele achou uma nota de dez cruzeiros e jogou no número da nota. Não deu outra, ele ganhou uma bolada. Não adianta, mesmo. Sorte é para quem tem.




colunas e blogs

o Vale quer saber

O que vai acontecer com Lula?
Nenhuma das opções
Será preso
Voltará a ser presidente


Escritório Comercial S. S. do Caí:
Avenida Dr. Bruno Cassel, 179
Fone / Fax: (51) 3635-1900

Escritório Comercial Montenegro:
Rua Oswaldo Aranha, Via Verde, 1467
Fone / Fax: (51) 3632-9680

Administração:
Rua Fato Novo, Nº 11
Fone / Fax: (51) 3635-1428

Contato
Todos os Direitos Reservados | Jornal Fato Novo | Vale do Caí | RS | Por Nigma Agência Digital