OFERECIMENTO:
Quarta-Feira, 23 de Março de 2016 - Hora:15:01

Edição nº 188 de 19 a 26 de março de 1986

Resumo de notícias de 30 anos atrás

Um carro alegórico do festival desfilou na Festa da Uva
Faltam apenas duas semanas para o Festival do Chopp

Nos próximos dias 5 e 12 de abril, dois sábados, estará se realizando mais uma vez, na Feliz, o Festival do Chopp. Trata-se de um acontecimento já tradicional, pois esta já é sua 19ª edição.

Não é fácil receber, numa noite, um público que chega a superar dez mil pessoas e proporcionar a ele, durante toda a noite, chopp à vontade e boa música alegre. Para que isso seja possível, foi montado toda uma infra-estrutura. Hoje a SOCEF conta com três grandes salões, além de um pátio interno com capacidade de receber os milhares de visitantes que, além de tomar chopp, querem dançar e ainda alimentar-se. Tudo é preparado para que nada falte ao visitante. Ele pode jantar nas dependencias da Sociedade, encontrar várias tendas com venda de lanches e 120 serpentinas com o principal, o chopp, que jorra de torneirinhas, como se fosse água.


As testemunhas do Cometa

Para a maioria das pessoas, a passagem do Cometa Halley é um fato inédito, nunca antes presenciado por elas. Mas existe algumas pessoas, mais idosas, que testemunharam a primeira visita do Halley à Terra neste século, em 1910. No Caí, temos entre outros, o senhor Arno Kusminsky, hoje com 83 anos e a senhora Meta Trein Müller, de 84 anos de idade, que se lembram muito bem do cometa.

Dana Meta faz um perfil de como era a cidade em 1910, quando ela tinha 8 anos de idade. Era o tempo de lampiões com querosene, em que um velhinho, funcionário da prefeitura, vinha de poste em poste, com uma escadinha, acender os lampiões. A luz elétrica na cidade só seria inaugurada no dia 19 de junho de 1923.

Mas numa determinada noite de abril de 1910, os caienses não precisaram de luz artificial, pois as quatro horas da madrugada, estaria brilhando o cometa Halley. Dona Meta guardou o acontecimento em sua memória: "O meu pai me tirou da cama, estava muito frio e eu tremia de medo e de susto. Parecia a estrela de Belém, brilhante como uma jóia".

Arno Kusminky era vizinho de Meta. E a convite de seu pai, ele foi avistar o cometa na praça. Arno relata: "O cometa estava com uma nitidez extraordinária, em toda sua extenção. Era cumprido, com uma longa cauda". Na época existiam muitas suspertições, o povo não tinha a cultura que tem hoje, e a Grande Guerra, surgida anos depois, foi atribuida ao Cometa, assim como a seca atual.


Colonos estão deixando a produção de leite

O prefeito Hilário Junges, de Bom Princípio, está muito preocupado com o que está acontecendo com a produção de leite na região. Ele mesmo é agricultor e possui na sua granja um bom plantel de vacas leiteiras, mas, a grande maioria dos produtores de leite na região, está vendendo suas vacas para os açogues, uma vez que tornou-se anti-econômica a manutenção desta atividade. Hilário pretende ir a Brasília, levar às autoridades do governo uma exposição do problema, procurando alertá-las para a grave crise que deverá acontecer no setor em breve.

O preço pago pelo leite ao produtor sempre foi bastante reduzido, pois trata-se de um artigo que, pelo seu valor nutritivo e pela sua importancia para as crianças, sempre foi controlado pelo governo. Desde dezembro, quando houve o último reajuste no preço pago ao produtor de leite, a ração já subiu 76%.

O problema tornou-se mais grave em virtude da seca que afetou a produção de milho dos nosso agricultores. Com isto, o produtor de leite, se tornou mais dependente da ração para alimentar suas vacas leiteiras e a consequencia é que ele se vê inteiramente impossibilitado de manter a produção recebendo o que recebe pelo seu produto.

 

 

colunas e blogs

o Vale quer saber

Não há enquetes disponíveis para votação no momento


Escritório Comercial S. S. do Caí:
Avenida Dr. Bruno Cassel, 179
Fone / Fax: (51) 3635-1900

Escritório Comercial Montenegro:
Rua Oswaldo Aranha, Via Verde, 1467
Fone / Fax: (51) 3632-9680

Administração:
Rua Fato Novo, Nº 11
Fone / Fax: (51) 3635-1428

Contato
Todos os Direitos Reservados | Jornal Fato Novo | Vale do Caí | RS | Por Nigma Agência Digital