OFERECIMENTO:
São Sebastião do Caí - Sexta-Feira, 03 de Maio de 2013 - Hora:21:04

ENCONTRO DE CARROS ANTIGOS: Veio carro até de Santa Catarina

Público acima de 5.000 pessoas compareceu e se divertiu com as muitas atrações e a facilidade do ingresso grátis

O Encontro de Carros Antigos teve participação acima da expectativa
Todos os informes meteorológicos anunciavam que a quarta-feira seria chuvosa. Uma pena, porque esse dia, feriado do Dia do Trabalhador, é também o dia de aniversário da cidade e haveria uma grande festa comemorativa que é realizada no Parque Centenário.

Como vem muita gente de longe trazendo seus carros raros para esse tipo de evento, o anúncio de mau tempo fez com que muitos desistissem.

Mas, como o primeiro encontro, realizado no ano passado, foi muito bom e este estava bem divulgado, muitos antigomobilistas resolveram vir assim mesmo, trazendo as suas relíquias.

E veio muita gente. O número de veículos expostos, que havia sido de 215 na primeira realização do evento, saltou esse ano para 469.

O público também não teve medo da chuva e compareceu em massa. Pelos cálculos da Brigada Militar, 5.000 pessoas lotavam o parque no meio da tarde. O público era bem maior do que o observado no dia final da última Festa da Bergamota, apesar do show do padre Fábio de Melo.

No Encontro dos Carros Antigos, a grande atração - é claro - são os carros. Foram muitos os veículos das décadas de 1920, 1930 e de todas as décadas até o  fim do século passado. Muitos carros antigos, do tempo em que não havia fabricação nacional, e muitos carros nacionais, desde a década de 1950.

Um flamante Cadilac ano 1960 atraiu muitos olhares, mas as atrações eram variadas. Despertaram muita curiosidade os veículos de uso da polícia, como o famoso Caveirão, que era usado para conduzir prisioneiros.

Veio carro de muito longe, inclusive de Chapecó, em Santa Catarina e cidades gaúchas como Santa Maria e Santa Cruz do Sul. Mas surpreendeu, também, a presença de carros trazidos por antigomobilistas do Vale do Caí. Além dos carros de caienses, vieram outros do Pareci Novo, Montenegro, São Pedro da Serra, Salvador do Sul, Bom Princípio, Feliz, Vale Real e Alto Feliz. Além de automóveis foram expostos também tratores,
caminhões, ônibus e caminhões.

Estiveram presentes clubes de carros antigos, chamados de Veteran Car, de Bento Gonçalves, Caxias, Novo Hamburgo e São Leopoldo.

Havia, ainda, exposição de bicicletas antigas, que chamou a atenção de muita gente.

Também foram boas as atrações artísticas, como o show de Elvis Presley cover, apresentado pelo cantor Jairo Melo, a bandinha Ima Frô, que caminhava pelo parque tocando os clássicos da música colonial alemã. Um coral de idosos, vindo de Canoas, também fez bela apresentação de música popular brasileira. E tudo isso num evento com ingresso grátis.

Uma fórmula para o sucesso
O público adorou o passeio e os expositores de veículos também. Eles já consideram o encontro do Cai como um dos melhores do estado e, provavelmente, virão mais carros ainda no evento do próximo ano.

O organizador principal do evento, Júlio Cesar Mello, ficou radiante com o sucesso e colheu muita experiência para fazer, no próximo ano, um evento ainda melhor. Júlio contou com  colaboração de 20 aficionados do antigomobilismo, do Caí e de outros municípios, na promoção e organização do evento.

O evento teve apoio de vários patrocinadores, mas a prefeitura não gastou praticamente nada. Até a limpeza do parque, depois do evento, foi feita pelos organizadores e pelos escoteiros do grupo Taquató, que aproveitou o evento para colher apoio para a construção da sua nova sede.

Júlio e sua equipe deram uma excelente demonstração de como o Parque Centenário pode ser utilizado para a realização de eventos capazes de movimentar e divulgar a cidade, sem gastos para a prefeitura.

Festa da Bergamota
Já está sendo cogitada a realização de uma festa semelhante tendo como atrativo principal a bergamota.

Também com ingresso grátis e atrações simples, a festa distribuiria bergamotas para degustação e os produtores venderiam bergamotas a preços acessíveis. Suco, schmier, cucas e outros produtos feitos com bergamota também seriam atrativos. Além de bandinha e até um baile ao estilo colonial.

No Encontro de Carros Antigos, os participantes ganharam saquinhos de bergamota de brinde e gostaram muito.

Mais fotos:
http://www.fatonovo.com.br/imagens-social.php?id=31
OFERECIMENTO:

colunas e blogs

o Vale quer saber

Você se sente mais seguro com as câmeras de videomonitoramento?
Sim
Não


Administração:
Rua Fato Novo, Nº 11
Fone / Fax: (51) 3635-1428

Escritório Comercial S. S. do Caí:
RS 122, Km 14, Nº 179 (antigo traçado)
Fone / Fax: (51) 3635-1900

Escritório Comercial Montenegro:
Rua Ramiro Barcelos, Nº 1415
Fone / Fax: (51) 3632-9680

Gráfica:
RS 122, Km 14, Nº 179 (antigo traçado)
Fone / Fax: (51) 3635-3447
Contato
Todos os Direitos Reservados | Jornal Fato Novo | Vale do Caí | RS | Por Nigma Agência Digital