OFERECIMENTO:
Montenegro - Quinta-Feira, 23 de Março de 2017 - Hora:16:30

Estacionamento pago vai voltar ao centro

Guarda Municipal também vai fiscalizar o trânsito

Chefe da Guarda Municipal, Clovis Pereira, diz que em abril os guardas já estarão prontos para a fiscalização do trânsito /Guilherme Baptista/FN

O caos do trânsito no centro de Montenegro terá, em breve, a fiscalização da Guarda Municipal (GM). Isto porque uma parte dos guardas está passando por treinamento com a Polícia Rodoviária Federal, a partir de convênio assinado com a Prefeitura. Com a mudança, tanto a Guarda Municipal quanto a Diretoria de Trânsito estarão ligadas ao Gabinete do Prefeito. O estacionamento do centro da cidade também deverá ter uma administração externa.

Um edital para selecionar a empresa que vai organizar o Estacionamento Rotativo no centro de Montenegro deverá ser publicado na semana que vem. “Esperamos resolver isto o mais rápido possível”, comenta o diretor de Trânsito, Alex Sandro da Silva. Os valores para estacionar e as possíveis multas ainda não foram definidas. A área alcançada pela medida alcançará as principais ruas do centro, como trechos centrais da Ramiro Barcelos, João Pessoa, Santos Dumont, Capitão Porfírio, Capitão Cruz, José Luis, Fernando Ferrari, Osvaldo Aranha, Olavo Bilac e São João. “Será escolhida a empresa que oferecer a melhor forma de administrar com a melhor possibilidade de arrecadação”, completa Alex, citando que serão disponibilizadas 1.040 vagas de estacionamento.

O diretor de trânsito acredita que a volta do estacionamento rotativo pago, a chamada Faixa Nobre, vai ocorrer ainda no primeiro semestre deste ano. Como já ocorria antes, os motoristas vão pagar por hora, devendo ter uma tolerância entre 10 e 15 minutos para a colocação do cartão. Além do valor da hora, também deve ser definido quanto será a multa para quem não pagar. E ainda está sujeito a guincho e perda de pontos na carteira de habilitação. A medida visa melhorar o fluxo no trânsito do centro, aumentando o rodízio nas vagas de estacionamento, já que atualmente está muito difícil conseguir estacionar e alguns motoristas ocupam espaços o dia inteiro.


Guarda de trânsito
A Guarda Municipal, que tem 25 anos de existência em Montenegro e até então só atuava na fiscalização do patrimônio público, como no Parque Centenário, Prefeitura, praças e Estação da Cultura, está agora sendo preparada para atuar também no trânsito. “Está sendo concluído o estágio operacional prático”, diz o chefe da Guarda Municipal, Clóvis Eduardo Pereira. Dos 33 guardas municipais, 17 estão em treinamento para fiscalizar o trânsito. Na próxima semana, entre 21 e 29 de março, terá o estágio na BR 386 (Tabaí/Canoas). E depois o estágio assistido na BR 470, com treinamento com radar móvel e etilômetro. “Todos estarão 100% habilitados para o serviço”, garante Clóvis. Ele lembra que desde 2014, por lei, a guarda municipal já pode atuar também na fiscalização de trânsito. “Em Montenegro este processo de preparação já dura dois anos”, afirma. Além do treinamento, a sede da guarda passou para a Rua Osvaldo Aranha, ao lado da Casa do Produtor Rural.

Atualmente os guardas municipais contam com duas viaturas, mas mais duas já estão sendo preparadas. E também devem contar com mais equipamentos, inclusive radares móveis para o monitoramento da velocidade dos veículos e bafômetros. “A Guarda Municipal terá poder de autuação, podendo aplicar multas”, diz Clóvis. A Brigada Militar também poderá continuar fazendo a fiscalização do trânsito, mas com o reforço da Guarda Municipal os PMs poderão se dedicar mais ao policiamento no combate a criminalidade. Isso continuará de competência da Brigada. Os guardas municipais não andam armados, mas alguns contam com pistolas taser (arma de choque), que não são letais, mas servem para imobilização. “Contamos com cinco taser”, informa o chefe da Guarda, acreditando que futuramente os guardas poderão andar armados. Nos casos de acidentes, como apenas com danos materiais, Clóvis diz que os guardas municipais também poderão efetuar os registros. Mas se tiver vítimas com lesões ou óbitos a responsabilidade continuará com a Brigada e a Polícia Civil.

Portanto, em breve, a Guarda Municipal estará atuando também no trânsito da área urbana de Montenegro. Isso já acontece no Caí faz muitos anos. E com a fiscalização dos guardas municipais poderá retornar o estacionamento pago.

OFERECIMENTO:

colunas e blogs

o Vale quer saber

Após a delação premiada, os diretores da JBS devem:
Ficar livres
Ser presos


Escritório Comercial S. S. do Caí:
Avenida Dr. Bruno Cassel, 179
Fone / Fax: (51) 3635-1900

Escritório Comercial Montenegro:
Rua Oswaldo Aranha, Via Verde, 1467
Fone / Fax: (51) 3632-9680

Administração:
Rua Fato Novo, Nº 11
Fone / Fax: (51) 3635-1428

Contato
Todos os Direitos Reservados | Jornal Fato Novo | Vale do Caí | RS | Por Nigma Agência Digital