OFERECIMENTO:
Pelo Vale - Quinta-Feira, 27 de Outubro de 2016 - Hora:11:13

Motorista que se elegeu vereador após grave acidente deixa o hospital

Marquinhos disse que quer voltar a andar e trabalhar pelo povo

Marcos Possobon em casa /Guilherme Baptista/FN

“Preciso voltar a andar e ajudar o nosso povo”. A manifestação foi do vereador eleito Marcos Vinicius Possobon, de 32 anos, quando iniciava em casa o tratamento de fisioterapia, na tarde da última segunda-feira. Após três semanas internado no Hospital Unimed de Montenegro, a maior parte do tempo na UTI, “Marquinhos” está cada vez mais otimista.

Ele deixou o hospital no último sábado e voltou para o Vale Real. Encontrou sua casa em obras, onde a empresa SIM Rede de Postos está fazendo toda a acessibilidade.

No quarto de casa, ao lado da namorada Deisi Bettega, Marcos mostra muita disposição. “Minhas pernas esquentam e fazem força. Vou fazer fisioterapia, exercício e hidroginástica. E vou caminhar de novo porque tenho muita coisa para fazer”, declarou. “Fui muito bem atendido no hospital Unimed. Mas em casa estou mais perto da família e dos amigos. Todo mundo vem me ver”, disse, enquanto alguns amigos aguardavam no sofá para visitá-lo. “Agradeço muito a direção da SIM e aos meus colegas”, completou.


Acidente e eleição
Marcos Possobon sofreu um grave acidente na RS 122 em Bom Princípio, na madrugada de 1º de outubro, um sábado. Ele dirigia uma carreta carregada de combustível que tombou na altura do quilômetro 25, na Bela Vista. Parte da carga de 40 mil litros de combustível vazou, mas foi feito um trabalho de contenção. No dia seguinte ao acidente, Marquinhos foi eleito vereador por Vale Real pelo PSDB, com 196 votos. A posse na Câmara vai ocorrer em 1º de janeiro de 2017. Após cirurgia e o início da fisioterapia, espera recuperar os movimentos das pernas.

Sobre a expectativa para o trabalho de vereador, Marcos diz que pretende colocar em prática os seus projetos, destacando a acessibilidade, APAE, posto de saúde com médico até 22 horas, bombeiros, guarda municipal, entre outras metas. E citou que pretende voltar a trabalhar como motorista, além da missão como vereador. “É bola para frente”, falou, agradecendo a todas as orações, novenas, missas e ao apoio que recebeu pela recuperação.

No novo prédio da Câmara de Vereadores, que deverá ser inaugurado ainda neste ano, Marcos contará com total acessibilidade, pois conta com rampas de acesso. Se fosse no prédio atual isso seria mais difícil. Mas na nova Câmara Marcos e seus colegas poderão trabalhar normalmente em benefício da comunidade.

OFERECIMENTO:

colunas e blogs

o Vale quer saber

Após a delação premiada, os diretores da JBS devem:
Ficar livres
Ser presos


Escritório Comercial S. S. do Caí:
Avenida Dr. Bruno Cassel, 179
Fone / Fax: (51) 3635-1900

Escritório Comercial Montenegro:
Rua Oswaldo Aranha, Via Verde, 1467
Fone / Fax: (51) 3632-9680

Administração:
Rua Fato Novo, Nº 11
Fone / Fax: (51) 3635-1428

Contato
Todos os Direitos Reservados | Jornal Fato Novo | Vale do Caí | RS | Por Nigma Agência Digital