OFERECIMENTO:
Capela de Santana - Terça-Feira, 27 de Dezembro de 2016 - Hora:17:15

Nestor Bernardes comemora o bom resultado do ‘choque de gestão’

Capela de Santana ficou em quarto lugar no Ranking das Contas Públicas, segundo dados do TCE

Nestor Bernardes deixa as contas em dia para o novo prefeito /Divulgação/FN
A crise econômica que assola o País chega forte aos municípios. Enquanto alguns apenas reclamam e se sentem incapazes de transpor os obstáculos financeiros, outros adotaram medidas com antecedência para superar as dificuldades. Foi o caso de Capela de Santana. O prefeito Nestor Bernardes não esperou a crise derrubar sua Administração. Sabendo que os efeitos da recessão poderiam ser devastadores, adotou diversas medidas para conter os gastos e economizar o dinheiro público. A recompensa veio com a quarta colocação estadual no Ranking das Contas Públicas, de acordo com levantamento do Tribunal de Contas do Estado (TCE). O Fato Novo entrevistou Nestor, que deixa a cadeira no próximo domingo, com as contas em dia e diversos projetos encaminhados.

Fato Novo - Durante estes 4 anos, em que o País passou por uma séria crise financeira, como foi administrar Capela?

Nestor Bernardes -
O País todo passou pela crise, inclusive Capela de Santana. O que fizemos foi nos adequar a crise. Demos um choque de gestão no Município. Adotamos o turno único, exoneramos CC’s, reduzimos estagiários, e hoje somos reconhecidos por essas medidas: o Município foi apontado como o 4º melhor do Estado no Ranking das Contas Públicas, em um levantamento que levou em conta dados do TCE.

FN - Entre as ações administrativas, qual o senhor considera mais importante?

Nestor - Acredito que nos adequar a crise sem cortar diversos programas, foi um dos atos mais importantes. Em meio à crise, mantivemos repasses à APAE, a associações culturais, associações que beneficiam a juventude, entre outros. Conseguimos sempre honrar com o compromisso com o funcionalismo. Inclusive, o 13º salário e o salário de dezembro foram pagos antecipadamente, para facilitar o processo de transição de governos.

FN - Como cidadão capelense, o que o senhor pediria ao novo prefeito?

Nestor - Vamos entregar a Prefeitura com as contas em dia, também estamos entregando com 22 novos veículos e máquinas, e diversas obras garantidas junto ao Governo Federal e Estadual. Entre essas obras, 13 novas pavimentações de ruas. Gostaríamos que o novo governo desse continuidade a todas estas conquistas, mantivesse as contas em dia, e que siga sempre fazendo mais e mais por Capela de Santana em benefício do nosso povo.

FN - Alguma observação e uma mensagem ao povo de Capela?

Nestor - Gostaria de agradecer a colaboração dos munícipes, pois passamos por momentos difíceis. A crise financeira atingiu os municípios de forma muito forte. Foram necessárias várias adequações para enfrentarmos este momento e a colaboração e compreensão de toda a comunidade foi muito importante para isso. Também gostaria de lembrar que o fato de sermos reconhecidos como 4º melhor município no Ranking das Contas Públicas é algo que toda cidade pode se orgulhar.

 

 

 

colunas e blogs

o Vale quer saber

Quem está ganhando a guerra contra o crime na região?
Policia
Criminosos


Escritório Comercial S. S. do Caí:
Avenida Dr. Bruno Cassel, 179
Fone / Fax: (51) 3635-1900

Escritório Comercial Montenegro:
Rua Oswaldo Aranha, Via Verde, 1467
Fone / Fax: (51) 3632-9680

Administração:
Rua Fato Novo, Nº 11
Fone / Fax: (51) 3635-1428

Contato
Todos os Direitos Reservados | Jornal Fato Novo | Vale do Caí | RS | Por Nigma Agência Digital