OFERECIMENTO:
Pelo Vale - Quarta-Feira, 02 de Outubro de 2013 - Hora:08:55

Pedágio de Portão: Conselho será formado para administrar arrecadação

Dia 15 de outubro haverá nova reunião para compor o grupo que vai definir a aplicação de recursos

Pedágio de Portão será fiscalizado pelo Corepe
Entidades representativas do Vale do Caí devem se reunir no dia 15 de outubro, no campus da UCS de São Sebastião do Caí para definir seus representantes no Corepe – Conselho Comunitário das Regiões de Rodovias Pedagiadas, referente ao pedágio de Portão. A formação do conselho é prevista no Decreto n° 50.564, assinado pelo governador Tarso Genro em 19 de agosto de 2013.

As atribuições e composição dos conselhos foram explicados em reunião realizada no último dia 26 de setembro, em Portão. A chefe de gabinete da EGR (Empresa Gaúcha de Rodovias) foi a responsável pela apresentação. “Sugerimos que haja um equilíbrio entre as cidades representadas, para que não haja tendência para algum lado”, destacou. A formação do Corepe é obrigatória para definir a aplicação dos recursos já arrecadados no pedágio de Rincão do Cascalho.

A principal finalidade do Corepe de Portão será o acompanhamento da gestão e a definição das prioridades das rodovias pedagiadas. Cada conselho será composto por 16 membros. Para o prefeito de São Sebastião do Caí, Darci Lauermann, a iniciativa só terá validade se for efetiva. “Esperamos que não se transforme em mais um destes conselhos que não funcionam”, declarou.

Formação
O Conselho Regional de Desenvolvimento (Corede) do Vale do Caí vai ser o responsável pela reunião que vai apontar os membros do Corepe. A distribuição das vagas, prevista no Decreto n° 50.564, é a seguinte:
1 - Poder Público: 2 da EGR, 1 da Seplag, 1 da Seinfra, 2 da Associação dos Prefeitos, 2 da Associação dos Vereadores.
2 - Sociedade Civil: 1 da Associação e Usuários, 1 das pessoas moradoras no trecho pedagiado, 2 do sindicato com mais associados na região, 1 de entidades representativas da indústria, 1 de entidades representativas do comércio e 2 do Corede.
OFERECIMENTO:

colunas e blogs

o Vale quer saber

Você acha que a demora na obra da ponte da RS 122 ocasionou o acidente com morte?
Sim
Não


Administração:
Rua Fato Novo, Nº 11
Fone / Fax: (51) 3635-1428

Escritório Comercial S. S. do Caí:
RS 122, Km 14, Nº 179 (antigo traçado)
Fone / Fax: (51) 3635-1900

Escritório Comercial Montenegro:
Rua Ramiro Barcelos, Nº 1415
Fone / Fax: (51) 3632-9680

Gráfica:
RS 122, Km 14, Nº 179 (antigo traçado)
Fone / Fax: (51) 3635-3447
Contato
Todos os Direitos Reservados | Jornal Fato Novo | Vale do Caí | RS | Por Nigma Agência Digital