OFERECIMENTO:
Montenegro - Sbado, 30 de Setembro de 2017 - Hora:08:00

Posto de Saúde da Vila Esperança será reaberto

Com cartazes, moradores pediram a reabertura do posto que está fechado faz mais de 3 anos

/Câmara/ACOM

Mais uma edição do programa Câmara Vai aos Bairros e ao Interior foi realizada na noite de terça-feira, dia 26. Os vereadores estiveram no bairro Senai, na escola da Vila Esperança reunidos com os moradores para ouvir as demandas da comunidade. Em praticamente todas as falas, inclusive na lista de problemas lidos pela líder comunitária Carliane Pinheiro, a Kaká, consta o pedido de reabertura do Posto de Saúde (ESF – Esperança), fechado faz cerca de 3 anos.

Presente no encontro, a Secretaria Municipal de Saúde, Ana Maria Rodrigues, trouxe o alento para comunidade anunciando que a licitação das obras de melhorias do posto de saúde deve acontecer entre 18 e 19 de outubro. “Queremos que este seja o presente de Natal para os moradores”, adiantou. O ESF da Esperança atende o bairro Senai, Santa Rita e parte da Cinco de Maio. A secretária também adiantou que ocorrerá reunião no bairro na próxima segunda-feira, junto com a nova enfermeira, Milena Jantsch, que vai atuar no ESF da Esperança.

Uma das moradoras que fez uso da palavra disse que o fechamento do posto prejudicou muito sua família. “Tenho três crianças e cada vez que preciso levar ao médico na Assistência é um problema”, lamentou. Edson Ramos falou que não estava na reunião para criticar e, sim, pedir ajuda como, por exemplo, a abertura do posto de saúde.


Ginásio do PPV
Rogério dos Santos fez um retrospecto da conquista do chamado ginásio do PPV, que aconteceu na época do movimento Montenegro Contra o Crack. Ele observou que foi assinado um termo junto ao Ministério Público quanto ao uso deste espaço. No documento consta proibições como a promoção de bailes e a entrada de bebidas alcoólicas. O problema é que o ginásio, onde deveriam ocorrer atividades de esporte, educação e lazer justamente para evitar que os jovens ingressassem no mundo das drogas, não está cumprindo o seu papel. Além de uma gestão para melhor atender a comunidade, necessita de melhorias.

Outras demandas dos moradores são melhorias nas ruas, iluminação, recolhimento do acúmulo de lixo, regularização fundiária, reforma da capela mortuária, transporte público da linha Senai, troca de postes de madeira da Rua dos Sinos, limpeza de bocas de lobo, urbanização e infraestrutura, escola de ensino fundamental, entre ouras.

A presidente da Comissão de Cidadania e Direitos Humanos (CCDH) Josi Paz, coordenadora da reunião, comemorou a participação da Prefeitura junto ao programa Câmara Vai aos Bairros. “Pela primeira vez a Prefeitura está presente e com duas secretarias: Saúde e Educação”, elogiou, destacando a aproximação entre Legislativo e Executivo.

OFERECIMENTO:

colunas e blogs

o Vale quer saber

Não há enquetes disponíveis para votação no momento


Escritrio Comercial S. S. do Ca:
Avenida Dr. Bruno Cassel, 179
Fone / Fax: (51) 3635-1900

Escritrio Comercial Montenegro:
Rua Oswaldo Aranha, Via Verde, 1467
Fone / Fax: (51) 3632-9680

Administrao:
Rua Fato Novo, N 11
Fone / Fax: (51) 3635-1428

Contato
Todos os Direitos Reservados | Jornal Fato Novo | Vale do Ca | RS | Por Nigma Agncia Digital