OFERECIMENTO:
Montenegro - Sbado, 28 de Outubro de 2017 - Hora:08:00

Três casas são atingidas por incêndio na Costa da Serra

Mulher grávida inalou fumaça e teve que ser levada ao hospital

Casa de Marco Aurélio, esposa e quatro filhos também foi destruída pelo fogo /Guilherme Baptista/FN

Duas casas totalmente destruídas e outra parcialmente danificada. Este foi o resultado de um grande incêndio que ocorreu no final da tarde da última terça-feira, dia 24, na localidade de Costa da Serra. O sinistro ocorreu em residências situadas na margem da ERS 411, onde formou-se uma pequena vila próximo aos trilhos, do lado esquerdo no sentido Montenegro/Brochier, já perto da divisa entre os dois municípios.

O serviços gerais Marco Aurélio Gomes da Silva, 30 anos, conta que tinha saído para ir na cidade atrás de emprego. Já a esposa Daiana Cristina Flores, 32 anos, estava trabalhando em serviço de faxina. E os quatro filhos do casal – João Vitor (13 anos), Vitor Hugo (11), Paulo Henrique (10) e Pedro Henrique (9 anos), estavam na escola. Quando chegou em casa, Maurco Aurélio diz que já encontrou a sua casa totalmente destruída pelo fogo. Os bombeiros foram ao local com dois caminhões e impediram que as chamas destruíssem uma terceira casa, a qual teve apenas um quarto atingido parcialmente. “Perdemos tudo. Ficamos só com a roupa do corpo”, lamenta Marco Aurélio, que junto com a esposa e o filho mais novo está ficando num vizinho. Já os outros três filhos mais velhos estão na casa da avó, em Pareci Velho.

A suspeita, segundo Marco Aurélio, é que o fogo tenha iniciado numa casa vizinho. Segundo os moradores, foi ouvido um estouro na caixa de luz e as chamas se iniciaram rapidamente. Na casa onde Marco Aurélio, Daiana e o filho Pedro Henrique estão ficando, um quarto foi atingido pelo fogo, destruindo parte da parede, janela, forro, cama e roupeiro.

Mesmo assim, com a casa parcialmente danificada, o casal Cláudia Fátima dos Santos e Anselmo Luis de Jesus acolheram os vizinhos.


Grávida foi para o hospital
Na outra casa destruída pelo fogo moravam Juliana Pereira Machado, 25 anos, e o filho de 9 anos. Além disso, ela está grávida de 5 meses. “Foi o pior momento da minha vida. Assisti a casa do meu filho e de minha ex-esposa incendiando.

Tudo que eles tinham estava dentro daquela casa, comprado com muito suor. É difícil ver as lágrimas escorrendo dos olhos do meu filho por ter perdido tudo, brinquedos, roupas, material escolar. Ela também é um guerreira e não merecia passar por uma coisa dessas”, destacou Wilson Ost, em seu facebook na internet, pedindo doações para a família.

Juliana estava trabalhando numa fábrica de pallets e o filho se encontrava na escola quando ocorreu o incêndio. Mesmo assim, ao voltar para casa e ver o fogo destruindo seus pertences, acabou inalando fumaça e teve que ser socorrida, sendo levada ao Hospital Montenegro. Deixou o hospital por volta de 20h do mesmo dia, após se recuperar. Mãe e filho estão ficando na casa de familiares. E os parentes estão providenciando uma casa para alugar para ficar por enquanto.


Doações
Para Juliana e o filho podem ser feitos contatos para doações através do telefone 996352956 ou em contato com Wilson Ost no facebook. Já para a família de Marco Aurélio as doações podem ser levadas no local ou pode ser feito contato pelo telefone 99803 7983, ou com Cláudia Fátima pelo 99557 8114 ou com Wilson pelo 99635 2956. Doações também podem ser levadas na Secretaria da Habitação, atrás do Hospital Montenegro (em frente ao plantão do HM). Podem ser doados alimentos roupas, calçados, móveis, utensílios e outros objetos.

As famílias pretendem reconstruir suas casas e esperam contar com o auxílio da Prefeitura. “Estamos fazendo o levantamento e ver o que estão precisando”, declarou o secretário da habitação, Marcelino da Rosa.

OFERECIMENTO:

colunas e blogs

o Vale quer saber

Não há enquetes disponíveis para votação no momento


Escritrio Comercial S. S. do Ca:
Avenida Dr. Bruno Cassel, 179
Fone / Fax: (51) 3635-1900

Escritrio Comercial Montenegro:
Rua Oswaldo Aranha, Via Verde, 1467
Fone / Fax: (51) 3632-9680

Administrao:
Rua Fato Novo, N 11
Fone / Fax: (51) 3635-1428

Contato
Todos os Direitos Reservados | Jornal Fato Novo | Vale do Ca | RS | Por Nigma Agncia Digital